• radioastronomia

Um ano sem o Radiotelescópio Arecibo


Em 01 de dezembro de 2020, o sistema de cabos que sustentava a estrutura de domo com antenas e receptores do Radiotelescópio Arecibo colapsou e destruiu o icônico radiotelescópio. Situado em Porto Rico, numa reentrância em região relativamente montanhosa, o refletor esférico de 305 metros de diâmetro ficou internacionalmente reconhecido por ter sido locação de filmes como 007 (Golden Eye) e Contato (baseado em ficção científica de Carl Sagan).


Ainda há poucas notícias relevantes sobre a construção de outro radiotelescópio no local. A página do observatório eventualmente menciona sobre o trabalho de remoção dos escombros e a manutenção de atividades nas demais facilidades existentes.


Para 2022, está previsto o lançamento de um documentário sobre o observatório, "The Biggest Dream", que contará a história e o incrível legado de Arecibo que, ao longo de mais de 50 anos, estudou a atmosfera da Terra, mapeou superfícies planetárias e de asteroides com seu radar, e foi relevante no estudo de pulsares, bem como na pesquisa SETI (busca de sinais de rádio de alguma possível civilização extraterrestre).


Para saber mais, recomendamos a leitura do "white paper" apresentado na página do observatório (em pdf): "THE FUTURE OF THE ARECIBO OBSERVATORY:THE NEXT GENERATION ARECIBO TELESCOPE".


Crédito do vídeo: The Arecibo Observatory.


#radiotelescópio #Arecibo

6 visualizações0 comentário