• Marcelo

JUNO: dínamo e imagens IR de Júpiter


Crédito do vídeo: NASA

A NASA publicou animações com os dados obtidos pela Sonda JUNO, em órbita de Júpiter:

Campo magnético de Júpiter:

"A Juno forneceu a primeira visão do 'dínamo' que alimenta o campo magnético de Júpiter. O novo panorama global revela irregularidades inesperadas e regiões de surpreendente intensidade do campo magnético. As áreas vermelhas mostram onde as linhas do campo magnético emergem do planeta, enquanto as áreas azuis mostram onde elas retornam. Como a missão da JUNO continua operando, irá melhorar a nossa compreensão do complexo ambiente magnético de Júpiter" (NASA, 2018).

Crédito do vídeo: NASA

Polo Norte joviano em infravermelho (IR):

"Nesta animação, o espectador mergulha abaixo do polo norte de Júpiter para ilustrar os aspectos tridimensionais do ciclone central da região e dos oito ciclones que o circundam. A animação utiliza imagens derivadas de dados coletados pelo instrumento Jovian Infrared Auroral Mapper (JIRAM) a bordo da missão Juno, durante sua quarta passagem sobre o planeta massivo. Câmeras infravermelhas são usadas para detectar a temperatura da atmosfera de Júpiter e fornecer informações sobre como funcionam os poderosos ciclones nos polos de Júpiter. Na animação, as áreas amarelas são mais quentes (ou mais profundas na atmosfera de Júpiter) e as áreas escuras são mais frias (ou mais altas na atmosfera de Júpiter). Nesta imagem a 'temperatura de brilho' mais alta é de cerca de 260K (cerca de -13 ° C) e a mais baixa é de cerca de 190K (cerca de -83 ° C). A 'temperatura de brilho' é uma medida da radiação, a 5 µm, viajando para fora, na direção da JUNO, expressa e unidades de temperatura" (NASA, 2018)

#Júpiter #JUNO #NASA

10 visualizações

Salvador - Bahia - Brazil

  • Facebook Clean Grey
  • Twitter Clean Grey
  • LinkedIn Clean Grey

© 2016 por Marcelo. Orgulhosamente criado com Wix.com