• Marcelo

Nebulosa do Caranguejo: desde rádio até raios X


Crédito do vídeo: NASA.gov Video

A Nebulosa de Caranguejo, ou Crab Nebula, é uma remanescente de supernova, localizada na Constelação de Touro, que fica ao lado da Constelação de Órion. Em seu centro foi identificada uma estrela de nêutrons, resultante do colapso gravitacional da estrela.

A imagem - composta por dados de um radiotelescópio e quatro telescópios - está codificada em cinco cores:

VERMELHO: imagem de rádio de como a estrela de nêutrons no interior da nebulosa produz uma espécie de vento de partículas carregadas que energiza a nebulosa e esta emite ondas de rádio. Do Radiotelescópio Karl G. Jansky Very Large Array (VLA);

AMARELO: imagem infravermelha inclui o brilho de partículas de poeira que absorvem luz ultravioleta e visível. Do telescópio Spitzer Space Telescope;

VERDE: imagem de luz visível do Hubble, oferece uma visão muito nítida das estruturas filamentosas quentes que permeiam esta nebulosa. Do Hubble Space Telescope;

AZUL: imagem ultravioleta mostra o efeito de uma nuvem energética de elétrons movidos pela estrela de nêutrons que gira rapidamente no centro da nebulosa. Do telescópio XMM-Newton Observatory;

PÚRPURA: a imagem de raio X também mostra o efeito de uma nuvem energética de elétrons movidos pela estrela de nêutrons que gira rapidamente no centro da nebulosa. Do Chandra X-ray Observatory.

#RadioAstronomy #Radioastronomia #CrabNebula

12 visualizações

Salvador - Bahia - Brazil

  • Facebook Clean Grey
  • Twitter Clean Grey
  • LinkedIn Clean Grey

© 2016 por Marcelo. Orgulhosamente criado com Wix.com