• Marcelo

40 anos da descoberta de Caronte, lua de Plutão


Crédito do vídeo: NASA Video

A história da descoberta da maior das cinco luas de Plutão, Caronte, em 22 de junho de 1978, por James Christy e Robert Harrington, seu supervisor, no Observatório Naval dos Estados Unidos em Flagstaff, Arizona (próximo do Observatório Lowell, onde Plutão foi descoberto).

Naquela época, Christy estava examinando chapas fotográficas com um microscópio, analisando as imagens obtidas com o telescópio de Flagstaff, que eram bastante granulosas, tentando refinar a órbita de Plutão em torno do Sol.

Ele percebeu que havia uma proeminência em um dos lados da imagem de Plutão e que ela parecia mover-se, quando comparava imagens do mesmo objeto, com uma diferença de tempo de um mês entre duas delas. Ele deduziu que algo parecia mover-se ao redor de Plutão: um satélite natural.

Depois da visita da New Horizons, Plutão e Caronte - além das outras quatro pequenas luas: Hidra, Cérbero, Nix e Estige - deixaram de ser meros pontos de luz, mesmo para os maiores telescópios e se tornaram mundos fascinantes a serem explorados.

#Caronte #Plutão #NewHorizons

5 visualizações

Salvador - Bahia - Brazil

  • Facebook Clean Grey
  • Twitter Clean Grey
  • LinkedIn Clean Grey

© 2016 por Marcelo. Orgulhosamente criado com Wix.com