• Marcelo

Estudante descobre o pulsar mais lento até então


Os pulsares são estrelas de nêutrons que giram em alta velocidade e que emitem potentes sinais eletromagnéticos oriundos das suas regiões polares. Muitas dessas estrelas por estarem inclinados em relação ao eixo de rotação, são associados a faróis cósmicos. Tais sinais quando interceptam a Terra são captados como pulsos de extrema regularidade. Os pulsares que giram em maior velocidade produzem pulsos na faixa dos milissegundos (da ordem de 0,001 segundo, ou mais). O pulsar o mais lento conhecido até então, tinha um período de 8,5 s.

O novo pulsar, descoberto por um estudante de PHD, Chia Min Tan, da equipe de pesquisadores da University of Manchester, possui um período de rotação de 23,5 s, que é mais de 15.000 vezes mais lento do que o pulsar mais rápido conhecido (1,5 ms). Localizado na Constelação de Cassiopeia, o pulsar foi descoberto com recursos de radiotelescópio Tied-Array All-Sky Survey (LOTAAS), integrante do LOFAR (Low Frequency Array), na faixa de frequência de 135 MHz. Com a descoberta, novos estudos serão realizados para entender a evolução estelar, após a explosão de estrelas massivas que se transforma em estrelas de nêutrons.

Crédito da imagem: Manchester.ac.uk

Para saber mais:

Slowest ever pulsar star discovered by PhD student (Manchester)

LOFAR Discovery of a 23.5 s Radio Pulsar (The American Astronomical Society)

LOTASS Pulsar Discoveries

#LOFAR #Pulsar #EstreladeNêutrons #Radioastronomia

4 visualizações

Salvador - Bahia - Brazil

  • Facebook Clean Grey
  • Twitter Clean Grey
  • LinkedIn Clean Grey

© 2016 por Marcelo. Orgulhosamente criado com Wix.com