• Marcelo

Aeronave com motor iônico sem partes móveis


Pesquisadores do Massachusetts Institute of Technology - MIT conseguiram fazer voar - pela primeira vez - um pequeno avião de teste, não tripulado, com motor iônico, sem partes móveis. O "drive iônico" utiliza eletrodos de alta tensão (cerca de 40 kV) para ionizar e acelerar as partículas de ar, criando um "vento iônico". Este fenômeno já era conhecido pelos cientistas há muito tempo, mas a força gerada era considerada insuficiente para usos práticos. Com os novos recursos tecnológicos atuais de baterias, circuitos eletrônicos e uso de computadores para projetar o formato da aeronave, conseguiram construir um pequeno avião com 5 m de largura e pesando apenas 2,5 kg. Já existem motores de íons para uso em naves espaciais há décadas, que funcionam no vácuo, no ambiente de microgravidade. A unidade desenvolvida no MIT usa o ar ionizado pela alta voltagem como propulsor. Os pesquisadores pensam em usos como drones silenciosos, mas podemos imaginar também, se for possível a adaptação, seu uso em ambientes de menor gravidade como no planeta Marte. Nos testes, quando a aeronave é lançada por uma catapulta com o motor desligado, ela plana por até 10 m. Com o motor em funcionamento, chegou a alcançar 60 metros. Os pesquisadores consideram que a eficiência deste tipo de aeronave ainda pode ser aumentada consideravelmente.

Crédito do vídeo: Nature Video

Para saber mais:

Ars Technica

#Drone

3 visualizações

Salvador - Bahia - Brazil

  • Facebook Clean Grey
  • Twitter Clean Grey
  • LinkedIn Clean Grey

© 2016 por Marcelo. Orgulhosamente criado com Wix.com