• Marcelo

Astrônomos evidenciam exoplaneta em sistema binário


A equipe é de astrônomos brasileiros, dentre os quais o Dr. Leonardo Andrade de Almeida, do Departamento de Física Teórica e Experimental da UFRN, bacharelado em Física (2006) pela Universidade Estadual de Feira de Santana/BA (UEFS) e Dr. Marildo G. Pereira, também da UEFS. Os pesquisadores publicaram artigo no qual evidenciam a existência de um planeta orbitando um sistema estelar binário, KIC10544976, na Constelação de Cisne. De acordo com Dr. Andrade, há "indicações bastante sólidas da existência de um exoplaneta gigante, com massa quase 13 vezes maior que a de Júpiter" (Agência FAPESP, 2019). No estudo, os pesquisadores consideraram as variações no período orbital do sistema e descartaram variações causadas por efeitos das emissões magnéticas, comuns nas estrelas, de modo que a hipótese mais plausível para as variações no período orbital é a existência de um exoplaneta.

O sistema estelar KIC10544976 é formado por uma estrela anã branca (estrela no final do seu ciclo evolutivo) e uma anã vermelha (estrela com massa menor que a do Sol, ainda ativa), que foram estudadas com dados de 2005 a 2017, de telescópios terrestres, e de 2009 a 2013, com dados do telescópio espacial Kepler.

Crédito do vídeo: AstroTubers.

Para saber mais:

Astrônomos encontram evidências de planeta quase 13 vezes maior que Júpiter.

Artigo científico (pdf):

Orbital Period Variation of KIC 10544976: Applegate Mechanism versus Light Travel Time Effect.

#Estrelas #Exoplanetas #TelescópioKepler

15 visualizações

Salvador - Bahia - Brazil

  • Facebook Clean Grey
  • Twitter Clean Grey
  • LinkedIn Clean Grey

© 2016 por Marcelo. Orgulhosamente criado com Wix.com